Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Maioria dos brasileiros aceitaria expor seus dados pessoais em troca de benefícios

Dados pessoais: pesquisa da Kapersky mostra que 80% dos brasileiros trocariam informações por benefícios.

Uma pesquisa da Kaspersky mostrou que a maioria dos brasileiros (80%) exporia seus dados pessoais em troca de benefícios. Isso inclui, por exemplo, descontos (70%) ou experiências exclusivas (65%).

Até mesmo pequenas recompensas poderiam convencer internautas a autorizar o acesso de terceiros a seus perfis de redes sociais. Por exemplo, encontrar amigos de longa data (80%).

De acordo com Fabio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky, “as pessoas não têm o conhecimento de como usa-se contra elas suas preferências pessoais, dados cadastrais ou situações de sua rotina”. A empresa detalha como a privacidade de dados pode impedir crimes.

As informações completas sobre o levantamento da Kaspersky estão em reportagem do SocialSec, hub de informações sobre segurança cibernértica. O SocialSec é parceiro do Blocknews e o link da reportagem é https://bit.ly/2YnSxiT

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) vigora desde 18 de setembro passado e as empresas precisam estar atentas ao uso de dados. Em especial ao chamado privacy by design. Além disso, devem contratar fornecedores que também trabalham com essa metodologia.

A metodologia “privacy by design”, ou privacidade por definição, surgiu em 1998 no Canadá. Significa considerar a segurança em todo o ciclo de vida dos dados pessoais. Portanto, criar produtos e serviços que focados em garantir segurança.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>