Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Empresas de blockchain demonstrarão ao TSE suas soluções para eleições

Testes serão em 15 de novembro, nas eleições municipais. Foto: Paulo Keno, Pixabay.

Criptonomia, GoLedger, Instituto Nacional de Excelência em Políticas Públicas (Inepp), OriginalMy e Waves Enterprise, que desenvolvem soluções em blockchain, estão entre as 26 empresas escolhidas pelo Tribunal Superior Eleitoral para demonstrarem suas soluções de votação online no próximo dia 15 de novembro, quando acontece o primeiro turno das eleições municipais.

Os testes serão em Curitiba, Valparaíso de Goiás, e em dois locais da cidade de São Paulo. Para realizarem os testes, eleitores serão convidados a votar em candidatos fictícios, com monitoramento da Justiça Eleitoral.

As demonstrações fazem parte do projeto “Eleições do Futuro”. O chamamento público para participar do teste aconteceu em setembro, 29 empresa se inscreveram e foram convidadas para uma discussão técnica e a lista das que participarão dos testes tem 26 delas.

Blockchain já foi usada em eleições locais nos Estados Unidos e é vista como uma solução capaz de evitar fraudes nas votações.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>