Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Digitalização levará 50% dos profissionais a passar por requalificação até 2025

Auto-gerenciamento é uma das habilidades que empregadores mais querem, diz WEF. Foto: William Iven, Pixabay.

Profissionais com algum tipo de dificuldade em auto-gerenciamento, aprendizado ativo, tolerância ao estresse e flexibilidade devem ficar muito atentos. Essas são algumas das habilidades que empregadores indicaram dentre as principais na terceira edição do relatório Futuro dos Empregos (Future of Jobs Report), do World Economic Forum (WEF).

Além disso, o relatório aponta que metade dos profissionais terão de passar por algum tipo de requalificação até 2025 por conta da aceleração tecnológica provocada pela pandemia do Covid-19.

A estimativa é de até 2025, 85 milhões de empregos sejam perdidos por conta da substituição de pessoas por máquinas, mas 97 milhões de empregos podem ser criados ou adaptados para uma nova divisão de trabalho que inclui pessoas, máquinas e algoritmos.

These are the top 10 skills for 2025.Image: World Economic Forum

“Temos as ferramentas a nossa disposição. Os retornos da inovação tecnológica que definem esta era podem ser impulsionados para desencadear o potencial humano”, diz Klaus Schwab, fundador e chairman executivo do WEF.

Segundo o Futuro dos Empregos (Future of Jobs Report), quem não tem essas habilidades pode consegui-las com treinamentos de no máximo seis meses.

Pensamento crítico e capacidade de resolver problemas continuam na lista desde a primeira edição, em 2016.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>