Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Até agora concorrentes, IBM e R3 fecham parceria para oferta de Corda no IBM LinuxONE

Acordo inclui centro de excelência R3 na IBM. Foto: Wynn Pointaux, Pixabay.

A IBM e a R3, duas das principais concorrentes em soluções blockchain no mercado global e que trabalham com plataformas distintas, fecharam um acordo para que a “Gigante Azul” forneça a rede Corda Enterprise da R3 a seus clientes no IBM LinuxONE, em nuvem híbrida – em premissas e IBM Cloud.

A R3 gerou um programa beta aberto para a Corda estar no IBM LinuxONE. Isso começa a funcionar no próximo dia 2 de novembro. A previsão é que a disponibilidade-geral comece no primeiro trimestre de 2021. O serviço se dará por meio do IBM Cloud Hyper Protect Services.

“As conversas sobre uma parceria estavam acontecendo já há um bom tempo, inclusive aqui no Brasil”, disse ao Blocknews Keiji Sakai, diretor-geral da R3 no país.

Centro de excelência R3 na IBM

Até então, a IBM trabalhava basicamente com a Hyperledger, iniciativa open source ligada à Fundação Linux. A R3, que de consórcio de bancos se tornou uma empresa, criou a solução de tecnologia de registro distribuído (DLT) Corda. Essa última, é muito associada a clientes financeiros – embora já tenha se expandido para outros setores -, que buscam mais privacidade em suas operações.

O acordo inclui ainda um centro de excelência R3 da IBM Services, devido ao aumento das oportunidades no mercado de nuvem híbrida, disse o comunicado das empresas. O objetivo será prover serviços como treinamento e consultoria de design para clientes que pretendem ou planejam usar soluções Corda.

“É um centro para inovar e incubar ideias de clientes e casos de uso”, disse Jason Kelley, gerente geral do IBM Blockchain Services. O centro de excelência dará maior poder aos clientes para subir o nível de suas transformações digitais, afirmou David Rutter, CEO da R3.

Acordo já era negociado há algum tempo também no Brasil, diz Sakai, da R3.

“A parceria com a IBM na região aumenta o leque de opções de utilização da nossa plataforma Corda Enterprise, com alguns diferenciais super relevantes – o IBM Hyper Protect Service, além da IBM Cloud e o LINUX-ONE, que já são amplamente utilizados no mundo corporativo”, afirmou Sakai.

  Além disto, a IBM vem capacitando e certificando sua equipe de arquitetos e engenheiros de software em CORDA.  Estes profissionais serão de extrema importância para direcionar e implementar soluções CORDA na base de clientes que a IBM tem na América Latina.

Por enquanto, nenhum dos dois lados fala em aquisição de uma pela outra no futuro. E também não se deu informações sobre como funcionará o marketing.

Interoperabilidade

A IBM já tem outros acordos nessa área e participa de diferentes iniciativas que estudam soluções blockchain. O acordo com a R3 pode ser um novo passo em direção à interoperabilidade entre infraestruturas.

Blockchain, por princípio, deve ser utilizada pelo maior número de stakeholders de um negócio, com a conversa de participantes de uma ou várias cadeias de fornecedores de produtos e serviços. Esse é um formato ainda distante no mundo dos blocos.

Para a Gigante Azul, o acordo adiciona uma solução que atrai setores como o financeiro, no qual já perdeu concorrências para a R3. A R3, por sua vez, se alia a um dos maiores provedores do segmento no mundo e que conta com outras soluções que podem interessar às empresas.

Nova York de olho

O setor financeiro pode parecer lento na adoção de DLT, mas é fato que está aumentando seu uso e Nova York, por exemplo, está cada vez mais convencida de que tecnologias como essa são o futuro do setor. Se NY abraçar a causa, pode arrastar o restante do planeta para o mesmo caminho.

A IBM LinuxONE e IBM Cloud Hyper Protect Services já oferecem um serviço de interesse de quem tem dados muito sensíveis para proteger, o Confidential Computing . Isso também pode interessar à R3.  

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>