Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Bolsa da Malásia começa testes de emissão de bonds usando blockchain

Projeto inclui também braço de banco chinês em Labuan. Foto: KuyaAndy, Pixabay.

A Bolsa da Malásia (Bursa Malaysia Berhad) e a Hashstacs, empresa de soluções de tecnologia de Singapura, iniciaram uma prova de conceito (PoC) em blockchain para desenvolver um mercado de bonds. Os testes do Projeto Harbour começaram na última sexta-feira (31).

A PoC será feita na Labuan Financial Exchange (LFX), braço da Bursa, com uma solução da Hashstacs para emissão, negociação e liquidação dos títulos na plataforma.

“Isso permitirá à Malásia ter a vantagem de ser a primeira a fazer isso, atraindo a listagem de títulos regionais e internacionais”, disse Benjamin Soh, diretor-geral da empresa.

Contratos inteligentes

A plataforma facilitará a emissão de títulos tokenizados , o rastreamento das transações e dará segurança para os investidores. Além disso, os contratos inteligentes vão automatizar as movimentações dos fundos e outros títulos mobiliários. Isso vai expandir a atuação da bolsa e dar liquidez aos participantes do mercado, afirmou a Bursa

Também fazem parte do projeto a Comissão de Valores da Malásia, a Autoridade de Serviços Financeiros de Labuan, o CIMB Investment Bank Berhad e o braço do China Construction Bank Corporation em Labuan.

Datuk Muhamad Umar Swift, CEO da Bursa, disse que a os testes serão um aprendizado importante para conhecer e ter ideias que permitam o crescimento do mercado de bonds, o aumento da eficiência e a redução de custos de operação e emissão.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>