Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Madri controlará poluição do ar com tecnologia blockchain da Alastria

Com maior controle dos dados, cidade poderá ter acesso a fundos de meio ambiente da UE. Crédito: Jammer. Pixabay.

Madri começará a utilizar um sistema de controle de poluição com uma solução que inclui o uso de blockchain. O sistema será implantado pela espanhola Hopu Smart Cities, que já implantou o sistema em 25 cidades do país, da Alemanha e da Bélgica.

A solução monitora o ar e fornece dados que permitem a adoção de políticas públicas para reduzir a contaminação. Com blockchain, será possível rastrear e garantir a veracidade dos dados. Isso permite, por preso, ter exemplo, que a cidade tenha acesso a fundos europeus de meio ambiente. A rede usada é a da Alastria. A informação é do Blockchain Economía, site de notícias parceiro do Blocknews, e que dá mais detalhes da solução.

O uso de blockchain em projetos de cidades inteligentes (smart cities) é o tema do painel desta terça-feira (30), do 1º Simpósio – O Potencial da Blockchain no Setor Energético, realizado pelo Blocknews e pela consultoria Mentors Energy.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>