Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Comunidade Hyperledger faz evento para explicar o Cactus, que permite operação entre redes diferentes

Foto: Gerd Altamann. Pixabay.

Se um dos princípios de blockchain é conectar o maior número de membros possível numa rede, isso pode também ser um empecilho quando uma plataforma não se conecta com outra. Para tentar resolver esse problema, a comunidade Hyperledger anunciou o Hyperledger Cactus, uma solução que permite operações entre diferentes plataformas, incluindo Hyperledger Besu, Fabric, Corda e Quorum.

Com essa solução, espera-se não apenas mais facilidade para adoção da tecnologia, mas também garantir sua sustentabilidade. O infográfico abaixo da 101 Blockchains dá mais detalhes sobre o Cactus.

Accenture e Fujitsu participaram do projeto com outras dezenas de outros desenvolvedores em plataformas dentro e fora da Hyperledger, segundo a comunidade informou em seu blog.

A solução saiu do Hyperledger Labs para Hyperledger Greenhouse, com os usuários finais, integradores de sistemas e desenvolvedores de fornecedores podem participar da definição da arquitetura do serviço de integração.

A Comunidade Hyperledger vai discutir o assunto no próximo dia 27, quando também vai falar do Hyperledger 2.0. A inscripção pode ser feita em https://lnkd.in/dDXRcGJ.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>