Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Fundador do Telegram confirma fim do projeto da rede TON e cripto Gram

Cerca de um mês depois de garantir que estava tudo bem, Pavel Durov, o fundador do Telegram, anunciou ontem (12) o fim da TON (Telegram Open Network), plataforma blockchain por onde seria minerada a criptomoeda Gram. O projeto foi iniciado há 2,5 anos e causou muito burburinho no mercado porque permitiria que os mais de 400 milhões de usuários da rede social Telegram usassem a cripto para guardar e transferir recursos.

Com a contínua dispouta com reguladores dos Estados Unidos, Durov disse que lançaria a plataforma em abril de 2021 e fez oferta de devolução de dinheiro para os investidores.

O que acabou com a TON, segundo Durov, foi uma decisão da Corte Suprema dos Estados Unidos proibiu a comercialização da moeda. A Corte também proibiu que americanos comprassem a moeda em outros mercados.

Durov ainda disse em seu post anunciando o fim da TON que sites que usam o nome dele ou do Telegram ou TON para promover projetos não são confiáveis. “Nenhum membro do nosso time atual ou do passado está envolvido nesses projetos”. Podem ter surgido redes baseadas na tecnologia que criamos para TON, mas não temos nenhuma filiação com eles e provavelmente não daremos suporte a eles”.

Na semana passada, um grupo que se entitla Free TON Community anunciou que estava lançando a plataforma FREE TON com desenvolvedores do projeto de Durov.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>