Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Bomesp lança plataforma de rastreabilidade que funciona em sidechain

A Bomesp (Bolsa de Moedas Virtuais Empresariais de São Paulo) está lançando um sistema de rastreabilidade para logística que funciona em uma sidechain, ou seja, uma rede blockchain que valida dados de outras redes blockchain.

Niolog, como é chamado o sistema, pode melhorar os índices de entregas corretas e melhorar o controle de jornadas de trabalho, além de reduzir o uso de papel, dentre outros benefícios, segundo a Bolsa.

A plataforma é própria e utiliza a solução Ethereum, integrando apenas a rede blockchain Ethereum para gravação e consistência dos metadados”, disse a Bomesp ao Blocknews. O cliente decide se grava as informações da sidechain no IPFS (InterPlanetary File System, rede peer-to-peer de armazenagem e compartilhamento de dados), no Amazon S3 ou no próprio servidor.

Segundo o diretor executivo da Niolog, Vinicius Hernandes, é possível ter na plataforma dados de toda a rastreabilidade, como relatórios, histórico de temperatura, tempo de armazenagem, trajeto, localização, assinaturas digitais, tentativas de entrega e fotografias.

Fernando Barrueco, CEO da Bomesp, afirmou que as empresas pagam por planos para uso da plataforma e o valor começa em R$ 300,00. A plataforma pode ser acessada pelo site ou aplicativo no celular. Consumidores poderão acompanhar suas entregas por meio de QR CODE.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>