J.P. Morgan aumenta fatia no C6 e XP lança conta e cartão internacionais

O banco norte-americano J.P. Morgan, um dos maiores do mundo, está reforçando sua aposta no C6 Bank. Pouco mais de dois anos após anunciar a compra de 40% do banco digital brasileiro, informou que aumentará sua para 46%. A instituição não revelou os termos financeiros da transação, que depende de aprovação regulatória. 

O movimento ocorre num momento em que o neobank fundado por ex-sócios do BTG Pactual ainda registra resultado negativo na última linha do balanço. Em 2022, o C6 teve prejuízo de R$ 2,2 bilhões, mais de 3 vezes superior ao de 2021. O banco ainda não divulgou os números do primeiro semestre deste ano. 

Em comunicado à imprensa nesta terça-feira (29), as companhias não mencionam a evolução no resultado líquido, mas citam a expansão da base e da carteira de crédito desde o anúncio do acordo inicial, em junho de 2021. De lá pra cá, o número de clientes do C6 mais do que triplicou, de 8 milhões para 25 milhões. Já o portfólio total de crédito cresceu mais de 4 vezes, passando de R$ 9,5 bilhões para R$ 40 bilhões.

Também nesta terça-feira, a XP anunciou o lançamento da sua conta internacional com um cartão de débito bandeira Mastercard. O objetivo é atender os brasileiros que viajam e compram no exterior. Há pouco mais de um ano a empresa lançou a conta de investimentos internacional.

O cartão será disponibilizado gradualmente para a base de 1 milhão de clientes com investimento na conta internacional da XP. A liberação do cartão e da conta global é pelo app. Para isso, os usuários precisam ter pelo menos R$ 10 mil investidos na plataforma. O saldo da conta é dolarizado e o cartão pode ser utilizado em mais de 210 países, no envio de remessas de câmbio 24 horas e em saques e em compras com o cartão digital.

“O cartão de débito internacional será integrado a todo nosso ecossistema XP, trazendo a proposta de ‘one stop shop’, com todos os serviços dentro de um mesmo app. Isso reforça ainda mais a nossa estratégia de participar da vida do cliente em todos os momentos”, afirma José Berenguer, CEO do Banco XP, em comunicado.

*As reportagens são dos Finsiders, hub de conteúdo parceiro do Blocknews e as versões completas estão nos links:

J.P. Morgan aumenta fatia no C6 Bank para 46%

XP entra na briga das contas globais

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *