Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

PayPal investe em startup que calcula impostos sobre criptomoedas

Solução para calcular impostos sobre criptomoedas ajuda no compliance. Foto: Pixabay.

A PayPal fez um investimento na startup Taxbit, que desenvolveu um software para o cálculo de impostos sobre criptomoedas. A Coinbase, maior bolsa de criptos dos Estados Unidos, também fez um aporte.

Esse é mais um dos diversos investimentos que a PayPal tem feito no mundo de criptomoedas. A fintech está se posicionando para receber e enviar pagamentos e assim, criar um diferencial em relação a seus concorrentes.

A TaxBit fica em Salt Lake City, no estado de Utah. A empresa foi fundada por profissionais do mercado financeiro, advogados e desenvolvedores de software. Segundo a startup, pessoas que têm criptos, bolsas e lojistas usam a solução.

De acordo com a empresa, a solução automatiza todo o processo de cálculo dos impostos sobre criptomoedas e ajuda os usuários a cumprirem regras de compliance.

Além do PayPal e da Coinbase, que fizeram os investimentos por meio de seus braços de venture capital, a Winklevoss Capital, que já investe na TaxBit, aportou novos recursos. A Winklevoss é dos irmãos Tyler e Cameron, que processaram Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, alegando que ajudaram a criar a plataforma de mídia social.

2 Comentários

    1. Olá Helena, existem sim. Nos EUA, desde 2014 são cobrados impostos sobre transações. Inclusive, em 2019 o governo passou a cobrar impostos de quem não tinha pago em anos anteriores. No Brasil também há cobrança. Se vc vender acima de R$ 35 mil num mês, precisa pagar impostos sobre os ganhos. Abs!

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>