Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

BTG Pactual lança fundo de bitcoin gerido e distribuído pelo banco

O BTG Pactual começou a distribuir, hoje (5), o primeiro fundo com bitcoin e com gestão ativa desenvolvido por um banco brasileiro. Segundo o banco, esse é o primeiro de uma série que o BTG vai lançar com criptomoedas.

O fundo tem 20% de exposição em bitcoin eo restante em títulos conservados e de alta liquidez. O banco vai comprar crédito de carbono para compensar a energia excessiva gasta na mineração da moeda.

O investimento pode ser a partir de R$ 1. A taxa de administração é de 0,5% ao ano, liquidez de três dias e sem taxa de desempenho.

A gestão do BTG Pactual Bitcoin 20 Fundo de Investimento Multimercado é do BTG Pactual Asset Management e a distribuição é do BTG digital. Com isso, o BTG se alinha a bancos norte-americanos como Goldman Sachs e Morgan Stanley que querem oferecer alternativas em criptomoedas a seus clientes.

O BTG foi o primeiro banco brasileiro a ter um criptoativo, o ReitBZ (RBZ). O token tem lastro em imóveis recuperados. Porém, como não há autorização para esse tipo de investimento no país, o token foi lançado e é vendido no exterior.

“Queremos aproveitar toda robustez, tecnologia e estrutura bancária que o banco já possui para oferecer vantagem competitiva e democratizar o investimento em bitcoin, moeda que mais cresce dentro do segmento de criptomoedas”, disse Will Landers, head de renda variável da asset.

A entrada de investidores institucionais no mercado de criptoativos embicou para cima a cotação do bitcoin nos últimos meses. Com isso, mais investidores institucionais se interessaram pela essa moeda.

Isso acabou virando uma bola de neve e os bancos, ao menos nos Estudos Unidos, se viram obrigados a atender a demanda dos investidores por exposição a criptomoedas.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>