Mercado de Criptomoedas por TradingView

250 milhões de contas digitais já foram abertas no país

Em 2021, a maioria dos entrevistados continuou com contas em bancos tradicionais e nos digitais. Porém, houve um crescimento de quem tem esse perfil, passando de 59,1% em 2020 para 64,6% dos entrevistados em 2021. Também caiu o percentual de quem só tem conta em banco. Era 55,4% dos entrevistados em 2019, 35,7% em 2020 e caiu para 22.4% em 2021. Assim, nesse período, quem só tinha conta nos “challenger banks” passou de 4,1% para 13% no período.

Além disso, o estudo apontou que 250 milhões de contas digitais já foram abertas no país, mostrou indicou o Ranking Onboarding digital 2021, realizado pelas empresas digitais Idwall em parceria com a Cantarino Brasileiro. A pesquisa teve como base as entrevistas com 1.654 brasileiros nas várias regiões do país, com idades a partir de 20 anos. A apuração aconteceu entre novembro e dezembro do ano passado.

Segundo o estudo, 75,8% dos brasileiros estão dispostos a abrir uma conta digital e abandonar as instituições financeiras convencionais, percentual bastante próximo dos 75,3% de 2020. Isso está em linha com a preferência de 75% por abrir uma conta pela internet, em especial pelo celular.

Os motivos que mais aparecem para os entrevistados na hora de escolher uma instituição principal são estímulos financeiros e facilidades de uso, em linha com 2020. Mas, aumentou a importância que os entrevistados dão para programas de vantagem e limite de crédito.

Agora, o principal motivo para sair de uma instituição é mau atendimento e busca por melhores tarifas, segurança e proteção de dados.

Mais de 37% usam banco que nasceu digital, o que pode te relação com a bancarização da população. Assim como a facilidade de uso para fazer cadastro e abrir conta, diz o estudo.

Quanto o assunto é onde os entrevistados têm suas principais contas, o Nubank aparece em primeiro lugar (21,1%). Da segunda à sexta posição são os bancos tradicionais, com a Caixa Econômica na frente deles. E na sequência vêm bancos digitais, começando com o Inter e C6.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.