Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Hashdex recebe primeira autorização de ETF de criptomoedas do Brasil

ETF de criptomoedas: Hashdex tem autorização para lançar no país.

Hashdex recebeu autorização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para lançar o primeiro ETF de criptoativos do país. O fundo será negociado na B3 com o nome de Hashdex Nasdaq Crypto Index Fundo de Índice e o código HASH11. A gestão é da Hashdex.

O fundo vai ser distribuído pela Genial Investimentos Corretora De Valores Mobiliários, BTG Pactual e Banco Itaú BBA S.A. A empresa afirma que dará mais detalhes no futuro sobre o fundo.

No mês passado, a Hashdex lançou o Hashdex Crypto ETF na Bolsa de Bermuda (BSX), o primeiro do mundo baseado em criptomoedas. Assim como o do Brasil, segue o Nasdaq Crypto Index (NCI).

O ETFs são investimentos mais conhecidos em mercados como o dos Estados Unidos (EUA). Mas aqui também existem. O objetivo dos ETFs é acompanhar um índice ou segmento.

Assim, quem investe nele acompanha o setor. Isso significa, portanto, que o risco não é mais alto ou mais baixo. É apenas uma maneira de o investidor tentar garantir o máximo de rentabilidade semelhante ao de empresas daquele segmento.

A composição do índice é a seguinte atualmente:

Bitcoin (BTC)78,61%
Ethereum (ETH)16,86%
Litecoin (LTC)1,58%
Bitcoin Cash (BCH)1,03%
Chainlink (LINK)1,27%
Stellar Lumens (XLM)0,65%

E desde que foi lançado, o desempenho do índice tem sido, claro, de alta, já que acompanha os preços das criptomoedas. O gráfico abaixo mostra a performance.

Nasdaq Crypto Index Performance

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>