Mercado de Criptomoedas por TradingView

Hackers invadem canal do Flamengo no YouTube e mostram live falsa sobre bitcoin

Flamengo lançou fan token em 2021. Imagem: Flamengo.

FlaTV, canal do Flamengo no YouTube, foi hackeado hoje (27) pela manhã, com uma suposta live de Michael Saylor, cofundador e CEO da MicroStrategy, falando sobre bitcoin. O empresário foi um dos primeiros a anunciar que a empresa comprou a cripto. Aparentemente, não houve nenhuma ação para roubar dinheiro de quem assistiu à live – o que seria uma tática dos hackers em mídias sociais conhecida no mundo das moedas digitais. O canal do Flamengo tem 6,5 milhões de inscritos.

O mundo cripto já faz parte do Flamengo. No ano passado, o clube fechou patrocínio com a Moss, que tem o token de crédito de carbono MCO2. E em novembro de 2021, o Flamengo lançou seu fan token Mengo. A live tinha o título “The most global conference with Michael Saylor! Microstrategy June 2022!” (em português, “A maior conferência global com Michael Saylor! MicroStrategy Junho 2022”). Ao que tudo indica, o ataque foi uma ação planejada.

De acordo com o jornal Lance, a direção de comunicação do clube afirmou que a situação estava normalizada. Além disso, informou que o clube estava repondo os vídeos apagados e que estava cobrando do YouTube uma explicação. Os hackers teriam apagado mais de 300 vídeos, e conseguiram uma audiência de em torno 100 mil pessoas.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.