ETHBarcelona 2023 acontece nesta semana com foco em sustentabilidade e segurança

ETHBarcelona seguirá conceitos SolarPunk e LunarPunk. Peter Patel,

A ETHBarcelona, principal conferência sobre Ethereum na Espanha, começa nesta quarta-feira (5) e segue até sexta-feira (7) com uma agenda que inclui conferência, workshops e espaços de networking. Uma novidade será que terá um hackathon entre os dias 7 e 9. Assim, quer criar um ambiente de colaboração e troca de conhecimento entre a comunidade de desenvolvedores, especialistas do setor e entusiastas de diferentes países do mundo.

O ETHBarcelona terá como foco as tendências e avanços na Web3 e que têm relevância para a sustentabilidade e segurança. Os avanços da tecnologia Zero Knowledger (ZK), por exemplo, ocuparão o centro do palco. E isso se alinha a um dos valores da comunidade Ethereum, o LunarPunk, de preservação da privacidade. Alguns dos palestrantes serão Vlad Zamfir, da Smart Transactions, Rune, da MakerDAO, Mario Havel, da Ethereum Foundation e Miguel Piedrafita, da Worldcoin.

De acordo com os organizadores do evento, o ETHBarcelona vai abraçar os temas dos movimentos SolarPunk e LunarPunk. O objetivo é incentivar “um mundo onde a tecnologia é aproveitada de forma positiva para impulsionar o planeta de forma sustentável e ética”, diz a organização do evento. A expectativa é de que o ETHBarcelona pelo menos repita os números de 2022, quando teve 2,2 mil participantes. Neste ano, as mulheres serão 40% das participantes e 50% das palestrantes.

ETHBarcelona usará conceitos SolarPunk e LunarPunk

“Muitos de nós entramos na Web3 para construir um mundo melhor, onde a tecnologia serve como um catalisador para a transformação positiva. Nossa missão na ETHBarcelona é promover uma comunidade sustentável onde promovemos ferramentas éticas que salvaguardam os princípios da liberdade, soberania e privacidade humanas”, disse Manu Alzuru, fundador da DoinGud e co-organizador do ETHBarcelona.

A cultura da Ethereum inclui alguns conceitos, como cypherpunk, SolarPunk e LunarPunk. Os três eram usados antes das criptomoedas e os dois últimos não são exatos. Cyperpunk tem ligação com um movimento que provavelmente influenciou Satoshi Nakamoto a criar o bitcoin.

O SolarPunk prega, dentre outras coisas, que bitcoin faz parte de um movimento individualista e incentiva o mundo mais sustentável. O LunarPunk também prega o verde, mas é tudo “à noite”. Por isso, o filme Avatar é uma de suas referências.

O Blocknews é parceiro do ETHBarcelona e o colunista Orlando Telles, que está acompanhando o evento, escreverá sobre os principais pontos abordados na conferência.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *