Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Coinbase quer captar US$ 1,5 bilhão para novas aquisições e produtos

Brian Armstrong, CEO da Coinbase, mira expansão da empresa. Foto: Coinbase

A Coinbase, maior bolsa de criptomoedas dos Estados Unidos (EUA), informou nesta segunda-feira (13) que pretende levantar US$ 1,5 bilhão com a emissão de títulos. A empresa, que neste ano lançou ações na Nasdaq, vai usar o dinheiro em fusões e aquisições e investimento em empresas, produtos e tecnologias. Assim como no desenvolvimento de produtos.

A empresa disse que vai emitir dívida sênior, ou seja, aquelas que em caso de falência, têm precedência de pagamento perante outras sem garantia . Detalhes como taxa de juros a Coinbase vai negociar com os compradores iniciais das dívidas. A oferta vai ser privada para investidores qualificados. Haverá oferta também para investidores fora dos EUA.

Segundo a empresa, essa é uma forma mais barata de levantar recursos.

1 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>