Coinbase lança marketplace de NFTs

A Coinbase, maior corretora de criptomoedas dos Estados Unidos (EUA), lançou hoje (20) a versão beta (em estágio de desenvolvimento) de seu marketplace de tokens não-fungíveis (NFTs). A empresa afirma que vai oferecer mais do que uma plataforma para compra e venda desses tokens. Isso porque os usuários querem melhores formas de achar os criptos, as melhores comunidades e espaços de conexão. “Estamos buscando dar poder às pessoas para criarem, colecionarem e se conectarem”, afirmou Sanchan Saxena, vice presidente de produto da empresa.

Assim, a partir de hoje, quem testar a plataforma poderá criar um perfil na Coinbase NFT para comprar e vender tokens usando uma carteira própria de custódia. Essa pode ser da Coinbase ou não. Por enquanto, a empresa não vai cobrar taxas de transação. “Em algum momento vamos cobrar taxas, que estarão em linha com os padrões da indústria Web3. E vamos informar antes que qualquer mudança aconteça”.

A empresa está convidando pessoas para os testes com base numa lista de espera. As pessoas serão chamadas por ordem de inscrição e no futuro a Coinbase vai abrir mais inscrições para outras pessoas.

Exemplo de perfil com NFTs que o usuário pode criar.

Uma das características da plataforma é a pessoa criar um com uma curadoria de NFTs que conte sua história. Uma outra é poder seguir perfis e conversar por meio de comentários, como uma rede social.

Além disso, a plataforma vai fazer recomendações personalizadas de NFTs para os usuários. Isso acontecerá com base no engajamento com o marketplace, ou seja, numa lógica similar ao que já acontece com redes sociais. Os usuários poderão ver os NFTs à venda no feed deles, em páginas de coleções e nos perfis em na loja. Já há projetos à venda, de criadores como DoodlesBoss Beauties, e Azuki.

De acordo com o anúncio, nas próximas semanas e meses a Coinbase vai “adicionar novas ferramentas que gradualmente trarão nossa visão sobre um marketplace social da web3”. Além disso, a empresa afirmou que está planejando adicionar drops, mineração, comunidades em que só se pode entrar com um token e opções para comprar NFTs com a conta ou cartão de crédito da Coinbase. “Ao longo do tempo, queremos descentralizar mais ferramentas, movendo-as da tecnologia Coinbase para soluções descentralizadas”.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *