Bitso começa a publicar relatórios de custódia de criptomoedas; primeiros são de BTC e ETH

Bitso está publicando relatórios mensais.

A Bitso publicou hoje (7), em sua plataforma, dados da chamada “Prova que Importa”. A exchange está usando a Prova de Conhecimento Zero (Zero-Knowledge Proof) desenvolvida pela Proven para mostrar que está solvente, ou seja, em boa saúde financeira. A solução mostra as criptomoedas custodiados na sua plataforma, começando por bitcoin e ether, as duas maiores do mercado.

Os dados começam com as duas criptomoedas devido à complexidade de construir essa prova, afirma a empresa. “Por se tratar de confiança e transparência junto aos nossos usuários, para a Bitso era fundamental fazer a Prova da forma correta ao invés de fazer da forma mais rápida. E o mais importante era integrar uma metodologia que permitiria à Bitso provar solvência de maneira recorrente com maior eficiência, cuidando da privacidade e segurança dos dados”, disse Pope Davis, Vice-Presidente de Engenharia da Bitso.

Em março passado, a Bitso anunciou que mostraria os dados neste trimestre. As informações estão na sua página na internet. Para acessar, é preciso entrar na página com a conta de usuário, selecionar “Perfil” e na barra de navegação, entrar em “Prova que Importa”. Os relatórios são mensais e serão publicados através de contratos inteligentes na blockchain de ethereum e dos quais cada pessoa poderá baixar seu recibo.

A tecnologia e metodologia desenvolvidas pela Proven permitem demonstrar os ativos e passivos sem necessidade de divulgar publicamente o balanço dos clientes ou outra informação confidencial. Mais detalhes sobre a Prova que Importa estão na página da Bitso.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *