Mercado de Criptomoedas por TradingView

Brian Brooks deixa a Binance dos EUA depois de três meses

Brian Brooks deixa Binance dos EUA por divergência de estratégias.

Brian Brooks, que há três meses assumiu o posto de CEO da Binance dos Estados Unidos (EUA), avisou que deixou o cargo. É mais uma informação que coloca dúvidas sobre as operações da maior corretora de criptomoedas do mundo. E se soma à saída do ex-diretor no Brasil, Ricardo da Ros, após seis meses de corretora.

Brooks avisou que deixou o cargo pelas redes sociais. “Avisando a todos que pedi demissão da Binance.US. Apesar das diferenças sobre a direção estratégica, desejo a meus ex-colegas muito sucesso.”

O executivo havia se juntado à Binance.US num momento em que a empresa é pressionada por reguladores do todo o mundo. O motivo é que cobram que sigam as regras e tem boas práticas de compliance.

A Binance.US começou a operar em 2019 e está sendo investigada por autoridades do país.

Até 14 de janeiro passado, Brooks era um dos reguladores dos Estados Unidos (EUA). Isso porque era o responsável pelo Escritório do Controlador da Moeda (OCC, na sigla em inglês). Nessa posição, deu espaço bancos atuarem com criptomoedas.

Durante sua gestão na OCC, Brooks emitiu comunicados em que permitiu, por exemplo, que bancos dos EUA custodiem ativos digitais, tenham reservas em moedas estáveis e participem de redes blockchain dessas moedas como nós. Assim, permitiu aos bancos atenderem à demanda crescente de seus clientes por criptomoedas.

Antes da Binance e da OCC, Gordon foi, por 19 meses e até maio de 2020, responsável pela área jurídica da Coinbase, maior corretoras de criptomoedas dos EUA.

Já o CEO da Binance, Changpeng Zhao, também se pronunciou por um post nas mídias sociais: “O trabalho de Brian para a Binance.US foi incalculável e esperamos que ele continue a fazer parte do crescimento da indústria de criptomoedas, advogando por regulações que levem nossa indústria para frente. Desejamos a ele o melhor em seus projetos futuros.”

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.