Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

WeWork e AXA vão aceitar pagamentos em criptomoedas

WeWork aceitará criptomoedas como bitcoin e vai fazer pagamentos também com essas moedas. Foto: Pixabay.

A WeWork anunciou, nos Estados Unidos (EUA), que vai aceitar pagamentos em bitcoin, ethereum, USD Coin e Paxos. “À medida que nossa base de clientes continua a crescer no setor de fintech, também reforçamos nossa capacidade de nos adaptarmos às suas realidades, atendendo a uma nova economia”, afirmou o CEO da WeWork, Sandeep Mathrani.

A BitPay, provedor de serviços de pagamentos de criptomoedas, faz parte da iniciativa. Além disso, a empresa vai pagar proprietários dos espaços e parceiros terceirizados em criptomoedas, quando aplicável, diz seu comunicado.

E fará isso por meio da Coinbase, maior corretora de criptos dos Estados Unidos e membro da WeWork. A corretora vai fazer pagamentos em criptos, para dar o exemplo.

WeWork se junta à AXA da Suíça

Já a AXA, uma das maiores seguradoras do mundo, informou que vai aceitar pagamentos em bitcoin na Suíça a partir de abril. De acordo com a empresa, uma pesquisa com pessoas de 18 a 55 anos mostrou que cerca de um terço delas já tinham ou estavam interessadas em criptomoedas.

A experiência começa com os pagamentos de seguros que não são de vida. disse Claudia Bienentreu, líder de inovação aberta da AXA Suíça. Os pagamentos em francos suíços passam para bitcoins e, assim, podem ocorrer por meio de computadores ou celulares.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>