Blockchain One lança plataforma para registro e gerenciamento de documentos em blockchain

A partir desta segunda-feira (6), a Blockchain One, de soluções para negócios em blockchain, colocou no ar uma nova plataforma, a Docstone, uma Interface de Programação de Aplicação (API), que às empresas integrarem sistemas e registros, fazer o gerenciamento e a autenticação de arquivos e documentos em diferentes blockchains.

De acordo com Jerffeson Teixeira de Souza, CTO da Blockchain One, por conta da blockchain e do uso de contratos inteligentes, a Docstone ajuda a baratear produções e facilita a criação de lastros, diminuindo burocracias e aumentando a produtividade. Os fundadores da empresa, Dan Stefanes, CEO, e Alan Kardec, COO, esperam atingir a adesão de 10 mil empresas, 100 mil registros e R$ 20 milhões em movimentação na plataforma até 2024.

O uso da plataforma é gratuito, mas há planos de assinatura para gestão ilimitada de contratos e registro de documentos.

Para Kardec, cada vez mais os mercados vão exigir lastros do que é comercializado dentro e fora do mercado nacional, por conta das exigências legais e das aplicações ESG (políticas Ambientais, Sociais e de Governança). Um exemplo, segundo ele, é a lei anti-desmatamento da União Europeia, que impede a entrada na região de produtos advindos de áreas desmatadas.

“Essa medida vai demandar de exportadores brasileiros garantias de suas produções. Essa é, inclusive, uma das preocupações do agronegócio local. É nesse sentido que a tecnologia blockchain atua e por isso ela é tão urgente. Ela se comunica com as demandas mais urgentes da retomada econômica no Brasil e no exterior”, afirma

Segundo o CTO da BlockchainOne, entre os setores que mais podem se beneficiar da plataforma estão os que lidam com recursos naturais, gestores da administração pública, setor imobiliário, mercado financeiro, cartórios notariais, empresas de saúde e educação.

“As informações podem ser divididas entre organizações e usuários sem comprometer a segurança, com um sistema baseado em criptografia e contratos inteligentes, além de ser possível criar uma verificação de identidade, que é mais uma camada de proteção e validação dentro da empresa, por integrar e controlar o acesso a sites, a ambientes físicos e a compartilhamento de informações”, diz Stefanes.

Compartilhe agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *