Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Após teste com carros Tesla, CargoSmart vai expandir experimento

Foto: Blomst. Pixabay

Depois de testar com sucesso o uso de blockchain na liberação de um carregamento da Tesla no porto de Xangai, a CargoSmart, que fornece tecnologia para o gerenciamento de cargas, vai agora fazer o teste em Xiamen e Qingdao, ambos na China, e em Laem Chaban, na Tailândia.

Segundo a empresa, o teste ocorreu com o Shanghai International Port Group (SIPG) e a Cosco Shipping. O objetivo foi reduzir as etapas de checagem de dados dos agentes de navegação e dos destinatários da carga.

Isso possibilita que uma retirada mais rápida. Na ponta final, facilita a entrega na data acordada com o dono da carga e, se for algo que faça parte de uma cadeia de fornecimento, ajuda a evitar atraso no processo industrial

A aplicação vai ser desenvolvida para os membros do consórcio de blockchain Global Shipping Business Network (GSBN), que está em fase de implementação. O grupo é formado por nove armadores e terminais portuários. 

A Tesla está num setor que a cada dia anuncia testes com blockchain para diferentes objetivos. Recentemente, houve anúncios da General Motors, BMW e Mercedes-Benz.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>