Claudia Mancini
é jornalista e cientista política, especializada em negócios, blockchain e economia digital

Ano Novo da Times Square de NY… no metaverso. É a MetaFest 2022

Festa de Ano Novo da Times Square no metaverso tem música, sala vip e dança. Imagem: Jamestown e DCG

Que tal passar a festa de Ano Novo da Times Square de Nova York… no metaverso? A Jamestown, empresa imobiliária dona do edifício One Times Square, ponto central da festança na cidade, recriou o ambiente na Decentraland com o Digital Currency Group (DCG), que investe em várias iniciativas de blockchain e ativos digitais. Será o primeiro arranha-céu da principal plataforma de mundo virtual.

De acordo com o site da MetaFest 2022, a comemoração do ano novo no metaverso começa às 23h horário de Nova York. A programação inclui, por exemplo, encontros de avatars, salas VIP na cobertura, galerias de arte, show de música, a tradicional queda da bola na virada do ano, jogos e dança. Portanto, em tempos de limitação de máximo de 15 mil pessoas no local real por conta da Covid-19, é uma alternativa.

E para dar um toque de realidade, haverá ainda informações das comemorações no mundo real. Já que é na digital, é possível festejar de qualquer parte do mundo. Se seus amigos “forem” à festa no metaverso, dá para comemorarem juntos. Até descontos para participar do encontro anual de cripto da Consensus que vai acontecer em junho próximo.

Ano novo no metaverso vai mostrar ações no mundo real

Decentraland Active Users (Photo: Jamestown)
Decentraland diz que em 2021, número de usuários ativos ao dia cresceu 15 vezes.

O One Time Square está nos lotes -106, -119 da Decentraland. São o equivalente a 170 parcelas de LAND e inclui cinco edifícios. A CoinDesk, site de conteúdo sobre criptomoedas, vai passar um vídeo dos principais fatos de 2021 em seu auditório. Além disso, vai fazer entrevistas. O DCG é investidor do site de notícias e um dos maiores proprietários de terreno digital (LAND) na Decentraland e investidor na plataforma MANA, da cripto que se usa naquele ambiente.

Esse evento mostra como ações virtuais podem se integrar às reais, disse Simon Koster, líder da área imobiliária do DCG. A questão do metaverso é que não é só acompanhar um evento no mundo digital. É fazer isso com seu avatar experimentando diferentes experiências, por exemplo. Além disso, pode dar a pessoas de todo o mundo acesso significativo a lugares por meio de experiências imersivas, afirmou o presidente da Jamestown, Michael Phillips.

A festa de Ano Novo na Times Square – a verdadeira – começou em 1904 e a queda bola, e 1907.

0 Comentários

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>